FIDEL CASTRO CONVOCOU TODOS A EVITAR URGENTEMENTE A GUERRA NUCLEAR!


Fidel Castro convocou a Coreia do Norte e Washington a evitar uma guerra nuclear na qual os povos da península asiática seriam terrivelmente sacrificados e que levaria o presidente Barack Obama a ser visto como o personagem mais sinistro da história dos Estados Unidos.
"Se uma guerra explodir ali, os povos de ambas as partes da Península (Coreana) serão terrivelmente sacrificados, sem benefício para nenhum deles", afirma Castro.


Fidel Castro acrescenta que "se um conflito desta índole explodir ali, o governo de Barack Obama em seu segundo mandato seria sepultado por um dilúvio de imagens que o apresentariam como o personagem mais sinistro da história dos Estados Unidos".
A mensagem de Fidel foi feita conforme a grande ameaça de deflagrar uma ação nuclear na Península Coreana. As ameaças geram uma tensão internacional, pois sul-coreanos  e norte-americanos estão cercando a Coréia do Norte.
“Na Península Coreana, o general Douglas MacArthur [comandante militar norte-americano morto em 1964] queria usar armas atômicas contra Coreia do Norte. Mas Harry Truman [ex-presidente norte-americano de 1945-1953] não permitiu”, diz o texto de Fidel.
 O ex-presidente lembrou que os desafios da humanidade são usar a “vida inteligente” em favor de ações positivas e, não o contrário.
Fidel ressaltou que os riscos de uma guerra nuclear são graves. Ele lembrou das duas bombas atômicas que foram lançadas, durante a 2ª Guerra Mundial, sobre as cidades de Hiroshima e Nagasaki, no Japão, matando em minutos milhares de pessoas. 

Postar um comentário