Pixels ZN

PROFESSORA HUMILHA CRIANÇA DE 06 ANOS "EM NOME DE DEUS!"



Comovente relato de uma Mãe que tem o filho humilhado na escola por uma professora que o quer doutrinado em nome de Deus.
As palavras da Mãe já  são suficientes para aqueles que realmente amam a Deus, pensarem melhor sobre as atrocidades que se tem cometido em nome dele ultimamente.
Preste seu apoio, não fique em silêncio!

 "Precisamos é de pontes, não de muros."



"se desenvolva cada vez mais a cultura do encontro, suscetível de fazer cair todos os muros que ainda dividem o mundo, e que nunca mais os inocentes sejam perseguidos e mortos por terem suas próprias crenças".
Papa Francisco


"Não existe preconceito contra ateus"


(Não tenho a menor intenção de humilhar meu filho que fique claro) E outra coisa, independente de religião, o respeito tem que prevalecer, meu filho perdeu o direito a dignidade!... 


Esse é o resultado semanal da intolerância de uma professora que insiste em humilhar o filho de um ateu, ele tem apenas 6 anos e não consegue segurar tanto tempo a vontade de urinar, insiste pra que ela o deixe sair para ir ao banheiro, mas ela diz a ele que faça nas calças que ela não liga. 



Por que falo com tanta certeza, por que essa merda toda começou depois que mandei um bilhete pedindo educadamente a ela que não o doutrinasse, mandando que ele escreva "deus é amor" no caderno e o obrigando a rezar todos os dias, enfatizando que a escola era pública e o estado laico não permitia esse tipo de prática já que ia contra tudo o que eu ensino a meu filho.. 

Não é a primeira vez que busco meu filho todo mijado na escola, ele anda revoltado e todo aquele amor puro que ele tinha professora virou revolta, ele tem feito na cama tambem, as vezes duas vezes na mesma noite, tem relatado ver sombras pelo quarto e na janela depois que a outra professora disse que o demônio puxaria seus pés a noite e ficou muito mais sensível e abatido depois que a professora pegou no queixo dele dizendo grosseiramente que ele precisava ter deus no coração... 



Isso é pra vcs entenderem o motivo dessa insistência que nós ateus temos em mostrar o nosso lado, somos adeptos a verdade, servimos a responsabilidade de nossos atos e passamos isso aos nossos filhos, sabemos ser pais amorosos, respeitosos e dar bons exemplos... 


Acreditamos que ameaçar crianças com danação infernal não seja uma boa maneira de se criar uma criança! Meu filho era doce e extremamente educado antes desses ocorridos, quem o conhece sabe, ele agradece até a tia da merenda com abraços, hoje ele está mais frio e desconfiado, enquanto tem alunos na sala dele que até batem na professora, e roubam tanto ele quanto outros alunos constantemente sem punição, ele vive esse drama dia após dia... Sim, já falei com minha advogada, mas a primeira coisa que ela me mandou fazer é tirar meu filho da escola, mas pera aí, ele vai ser ainda mais prejudicado? O que mais ele precisa passar... 

Tudo isso por que eu não enfio ele semanalmente dentro de uma igreja cheia de gente gritando e pulando feito louca, não tenho preconceito com pessoas, tenho preconceito com essas doutrinas que fazem pessoas agirem assim, que fique claro.. Continuarei expondo meus pensamentos e convicções aqui e onde eu bem entender até que seja necessário, da mesma forma que quem é religioso o faz, tambem por que o direito é o mesmo para todos, não é mesmo!
Terei uma reunião definitiva hoje com a direção da escola e ver se consigo proporcionar um final de ano letivo digno ao meu filho que aliás é um ótimo aluno. (desculpem pelo desabafo) ... 

É triste viver num país preconceituoso onde nos obrigam a ter rótulos, como se fossem atestados de boa conduta, quando os tais rotulados não são exemplos pra ninguem. 

(Quero deixar bem claro que a direção da escola se prontificou a resolver o problema da melhor forma possível e ficou estarrecida com o ocorrido, meu problema é mesmo com a professora de sala e a de inglês que foi quem ameaçou meu filho dizendo que o demônio puxaria o pé dele a noite)
Grata a todos que compartilharam.



Postar um comentário