HADDAD DESENVOLVE O MAIOR PROGRAMA DE OBRAS DE DRENAGEM NA ZONA NORTE DA HISTORIA DE SÃO PAULO

São Paulo tem o maior plano de drenagem dos últimos anos

Dois novos piscinões no córrego Cordeiro entram em funcionamento a partir deste verão na zona sul.
Durante a visita as obras de canalização do córrego Cordeiro, zona sul de São Paulo, o secretário de infraestrutura urbana e obras, Roberto Garibe, explicou que os dois piscinões em andamento na região, terão, juntos, capacidade para armazenar mais de 90 mil metros cúbicos, ou 90 milhões de litros. Neste verão, esses dois piscinões não estarão finalizados, mas já serão funcionais, ou seja, terão funcionalidade e irão atenuar as chuvas deste verão. Os piscinões serão cobertos, e terão sobre eles uma praça.


As obras de canalização do córrego Cordeiro foram iniciadas em julho de 2013, e estão previstas para serem entregue no segundo semestre de 2015. Na primeira fase são três piscinões, que juntos irão armazenar mais de 132,4 mil metros cúbicos, e a canalização de 400 metros do córrego. O custo das obras é de R$ 155,6 milhões, recursos da Prefeitura de São Paulo.
A segunda fase das obras, que já tem recursos do PAC 2, no total de R$ 200 milhões, irá canalizar mais 1,8 km do córrego, e construir mais três piscinões, que armazenarão 124,1 mil metros cúbicos, além da canalização de 270 metros do córrego Alcatrazes. A previsão é licitar as obras em 2015 e concluir parte das obras até 2016.
De acordo com o secretário a cidade de São Paulo tem, hoje, o maior programa de drenagem dos últimos anos. Hoje a cidade armazena cerca de 4 milhões e 700 mil metros cúbicos, contando com todos os piscinões em funcionamento na cidade. O plano de drenagem em andamento irá aumentar em 50% o total de armazenamento da cidade, ou seja, mais 2,5 milhões de metros cúbicos, total da capacidade dos piscinões do plano de drenagem da cidade, que tem mais de 2 bilhões de reais do PAC 2. Um exemplo são as futuras obras do córrego Aricanduva, que irão totalizar 300 mil metros cúbicos, licitação que será publicada nas próximas semanas.
Localização dos dois piscinões em obras:
RCO-02 - Área em planta: 4.064 m², profundidade média: 10,70 m, Volume: 42.256 m³ (ou cerca de 42 milhões de litros). Será fechado e está localizado na Praça Lígia Maria Salgado Nóbrega, entre a rua Antonio Pinho Azevedo, a avenida Cupecê e a rua Rodrigues de Montemor. 

RCO-03 - Área em planta: 4.258 m², profundidade média: 11,00 m, Volume: 39.714 m³ (ou cerca de 39 milhões de litros). Será fechado e está localizado na Praça Aristides de Souza Mendes, entre a rua Juan de La Cruz e a avenida Cupecê.
Uma das novidades é que a SIURB está, em conjunto com os moradores da região, decidindo quais equipamentos serão instalados sobre a praça, após o término das obras dos piscinões. As sugestões em análise são construir uma pista de skate, e outra de patinação, além de áreas para caminhadas.


CÓRREGO PACIÊNCIA
PROJETO PARTE I
PROJETO PARTE II
No Tucuruvi, área da Subprefeitura de Santana, a principal obra de SIURB é a canalização do Córrego Paciência. A bacia hidrográfica do córrego drena uma área que percorre um trecho de cerca de 4.500 metros. O projeto da secretaria pretende minimizar a freqüência de inundações no neste local com a execução de obras de infraestrutura e canalização de 4 km do córrego, implantação de um reservatório, de sistema viário e de um parque linear em uma área de 114 mil m². O edital de pré-qualificação desta obra deve ser publicado em setembro.
Outra obra importante é a canalização do Córrego Tremembé. Neste caso a previsão é, logo após o processo licitatório, iniciar a construção de 6 reservatórios de detenção e a canalização de 3Km do córrego. Com isso será possível aumentar a capacidade de retenção e amortecimento de cheias; recuperar áreas de amortecimento; expandir e preservar de áreas verdes; implantar reservatório; recuperar áreas de várzeas com potencial de amortecimento de cheias, ao longo das calhas dos rios; além de minimizar as desapropriações. Esta obra conta com recursos do Governo Federal, através do PAC e deve acabar com os problemas de enchentes no bairro do Tremembé e adjacências.

OBRAS DO PRA
As obras do Plano de Redução de Alagamentos-PRA também foram destacadas. No perímetro de Santana e Tucuruvi a SIURB já conclui cinco obras, nas ruas Helena Sacramento, Jardimirim, Jardinésia, Travessa Neco e na ruas Coronel Joaquim Ferreira de Souza. Mais duas obras devem ter início em setembro: na avenida Santa Inês e na rua Pataíba. Misso também mencionou que nesta região encontra-se em fase de projeto a reforma e ampliação de 3 EMFs, 2 EMEIs, além de outros equipamentos municipais. Está previsto também a construção do Parque de Esportes Radicais, na Avenida Zarchio Narchi e a reforma e ampliação de uma CEI na Rua Alferes de Magalhães, próximo a avenida Cruzeiro do Sul. A Siurb ainda estuda a viabilização para execução de uma nova CEI próximo a avenida Voluntários da Pátria.
Após a apresentação o secretário-adjunto respondeu a perguntas relativas a novas demandas para a região, e em seguida, encerrou o encontro.




CORREGO DA PACIENCIA

CORREGO DO TREMEMBÉ

Postar um comentário