IMPERIALISMO NORTEAMENRICANO IGNORA ALIADOS E CONTINUA MATANDO INDISCRIMINADAMENTE

Drones

O Ministério dos Negócios Estrangeiros do Paquistão acusa os EUA de sabotarem o diálogo com os talibãs. 
Na sexta-feira, horas antes da primeira ronda negocial entre delegados das autoridades de Islamabad e representantes do Tehreek-e-Taliban Pakistan, um avião não-tripulado norte-americano assassinou o líder do movimento no país.

No dia 29 de outubro, familiares de duas vítimas civis dos bombardeamentos norte-americanos no Paquistão testemunharam perante o Congresso dos EUA. 
Rafiq ur Rehman, professor primário no Warizistão do Norte, pediu «ao povo norte-americano que se assegure de que o seu governo nos reconhece os mesmos direitos humanos que aos seus cidadãos», e exigiu que seja feita justiça aos «mortos às mãos dos injustos». Os seus dois filhos, Nabila e Zubair, descreveram como o drone matou as respectivas mãe e avó, e garantiram que preferem os dias nublados, pois sabem que nessas condições os ataques não ocorrem.
Postar um comentário