EXPO 2020 - SÃO PAULO FAZ A 5a. APRESENTAÇÃO DA ‘FORÇA DA DIVERSIDADE, HARMONIA PARA O CRESCIMENTO’, OBJETIVANDO SEDIAR O EVENTO

O Brasil, que já está se preparando para acolher a Copa do Mundo no ano que vem e os Jogos Olímpicos em 2016, apresentou a nossa cidade de São Paulo como candidata a eleição para sediar o evento. São Paulo concorre com Ekaterinburgo (Rússia), Izmir (Turquia) e Dubai (Emirados Árabes).

Com o tema ‘Força da Diversidade, Harmonia para o Crescimento’, São Paulo fará, em Paris, sua quinta apresentação da candidatura para sediar a Expo 2020. Será a última exposição da capital paulista aos delegados dos 168 países que integram o Bureau Internacional de Exposições (BIE) antes da eleição da cidade-sede, que será na tarde de amanhã na sede da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).


“Continuo pensando que nosso projeto é o melhor tecnicamente falando. E isso é dito por vários delegados. Inclusive alguns, que não votarão em São Paulo, já chegaram a dizer que o projeto é muito bom. De fato, é o mais consistente, sobretudo se olhado da perspectiva metropolitana. Agora, a parte técnica não é a decisiva. Há outros ingredientes na tomada de decisão”, disse Haddad em entrevista coletiva nesta terça-feira, em Paris.
O projeto da Expo 2020 prevê, além da construção do novo espaço de exposições, em sua maior parte o reflorestamento da mata nativa da área com a criação de um parque público três vezes maior que o Ibirapuera. Como legado da exposição estão previstos ainda a implantação de programas de habitação social, equipamentos de saúde, educação e infraestrutura de transporte.

Eleição
A capital concorre com Ekaterinburgo (Rússia), Izmir (Turquia) e Dubai (Emirados Árabes) para sediar o terceiro maior evento do mundo - atrás apenas da Copa e dos Jogos Olímpicos. O anúncio da vencedora será por volta das 11h30 (horário de Brasília) durante a Assembleia Geral do Bureau Internacional de Exposições (BIE). Ao todo, delegados de 168 países terão direito a voto.

“É difícil prever o resultado porque são quatro fortes candidatos, todos de muito peso. A nossa avaliação é de que fizemos o melhor que podíamos do ponto de vista de respeito ao processo, transparência no dialogo com os países e defesa técnica na defesa do projeto. O balanço é de que cada parte executou aquilo que lhe cabia da maneira possível”, citou o prefeito Haddad.
Postar um comentário