SNOWDEN RECEBEU PREMIO NOBEL SUECO DE DIREITOS HUMANOS, ATRAVÉS DE VÍDEOCONFERÊNCIA


"Há muito mais a fazer ... e juntos vamos conseguir isso"

Snowden não pode viajar para Suécia para participar da cerimônia. Seu discurso foi transmitido ao vivo a partir de Moscou.  .

Snowden que enfrenta condenação e prisão de USA, vive na Rússia, com autorização de residência válida por apenas três anos. Mais cedo, os Verdes suecos pediram ao governo conceder asilo político Snowden e levá-lo para o país em um avião oficial do governo. No entanto, as autoridades não responderam ao pedido.

Edward Snowden (analista de sistemas, ex-funcionário da CIA e ex-contratado da NSA)recebeu o Right Livelihood Award, por denunciar publicamente detalhes de vários programas que constituem o sistema de vigilância global da NSA americana, que violam os direitos democráticos e constitucionais básicos do mundo. 

O público no edifício do parlamento sueco recebeu o Snowden com um longo aplauso.
"Espero que, apesar de tudo o que temos realizado, todos nós reconhecemos que este é apenas um começo", disse Snowden, provocando uma ovação de pé.

"Estas são coisas que não são susceptíveis de mudar em breve", disse ele. "Mas eles têm valido a pena, todos os preços que pagamos, todos os sacrifícios que fizemos, acredito que faria tudo de novo. Eu sei que eu faria de novo. "
"Isto é sobre nós, este é sobre os nossos direitos. Isso é sobre o tipo de sociedade queremos viver, o tipo de governo que queremos ter, o tipo de mundo que queremos deixar para a próxima geração. E quando falamos de governo, precisamos pensar não só sobre a qualidade do governo, mas também a relação que temos com ele. Será que vamos ser um assunto do governo, ou vamos ser parceiro para ele? "
"Há muito mais a fazer ... e juntos vamos conseguir isso", concluiu Snowden.
Snowden dividiu o prêmio com Alan Rusbridger, editor do Guardian, que deu luz verde para publicar informações com base em documentos vazados por Snowden.
organização que desenvolve o  "apoio jurídico" de Snowden receberá o habitual 500.000 coroas do prêmio (70.000 dólares). O Ministério das Relações Exteriores da Suécia proibiu o Right Livelihood Award Foundation de fazer a entrega tradicional do premio em Estocolmo - apesar dos prestigiados prêmios que foram entregues lá nos últimos 18 anos. Devido a isso, a cerimônia teve que ser realizada no parlamento sueco.
Snowden foi um dos cinco vencedores do prêmio sueco direitos humanos.
"O Prêmio Honorário 2014 Right Livelihood vai para Edward Snowden por sua coragem e habilidade em revelar a extensão sem precedentes de vigilância estatal que viola os processos democráticos e direitos fundamentais constitucionais", disse a entidade em um comunicado.
Postar um comentário