PT - PROGRAMA DE GOVERNO DEMOCRÁTICO - Fernando Haddad ouve os Setoriais

Fernando Haddad ouve os Setoriais Educação e Cultura

Mais dois Setoriais do PT de São Paulo reuniram-se com o pré-candidato a prefeito Fernando Haddad para debater a elaboração do programa de governo: Educação e Cultura As reuniões aconteceram na nova sala de reuniões do Diretório Municipal, cujo prédio está passando por reforma. A primeira etapa da obra foi entregue nesta semana.

Os militantes do Setorial Educação fizeram uma ampla exposição sobre a realidade do sistema municipal de ensino, focando principalmente a questão da formação de professores, a educação infantil e o problema da superlotação de salas de aula.Eles defenderam que a política de formação do professor contemple também as relações sociais – e não apenas aspectos técnicos da atividade, como acontece hoje – o que contribui para melhorar a qualidade da educação. Outra queixa dos presentes foi o desmonte dos programas sociais dos Centros Educacionais Unificados (CEUs), como o que integrava idosos e jovens para troca de conhecimento.
A falta de vagas em creches foi outra questão apontada na reunião. As creches conveniadas recebem cada vez mais recursos, em detrimento da rede própria da Prefeitura de São Paulo. O déficit já ultrapassou a marca de 150 mil vagas.
"Essa foi uma primeira conversa. Os Setoriais vão preparar um segundo documento com os diagnósticos de cada setor para fazermos plenárias ampliadas e fecharmos o debate”, afirmou Haddad.
No encontro do Setorial de Cultura, os militantes expuseram suas opiniões sobre várias áreas como música, teatro, artes plásticas, cinema e dança. A principal reivindicação foi a falta de uma política voltada para a manifestação cultural de grupos alternativos de vários pontos da cidade. A falta de espaços públicos e de equipamentos para atender e divulgar esses trabalhos é a grande preocupação dos integrantes dos movimentos culturais.

Essas reuniões têm sido muito importantes para discutir com cada setorial e conhecer os problemas de cada região. Vou me dedicar em tempo integral para ouvir e conhecer todos os detalhes que servirão para elaborar o nosso plano de governo”, afirmou Fernando Haddad.

 HADDAD AGRADECE M'BOI MIRIM

 “Quero agradecer a hospitalidade de todos vocês. Passamos o dia inteiro aqui e foi só carinho, só atenção, só informação e também cobrança, para que a gente possa responder à altura os desafios que estão colocados para todos nós. Foi um prazer”.
Com essa frase, o pré-candidato do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, encerrou a visita que fez nesta sexta-feira (24) à região de M’Boi Mirim, na Zona Sul da cidade, dando início às visitas semanais que fará junto às 31 subprefeituras da capital para ouvir líderes comunitários, movimentos sociais e entidades locais sobre os problemas existentes nos bairros de São Paulo e as soluções possíveis. Ele também quer nestes encontros reunir subsídios para a elaboração do seu plano de governo.

Postar um comentário