AUMENTA O DESEMPREGO NA FINLANDIA

Finlândia «enganada» por Microsoft

A ministra das Finanças da Finlândia, Jutta Urpilainen, considerou que o país foi «enganado» pela Microsoft, 
ao anunciar a supressão de 1100 postos de trabalho na Nokia, no âmbito de uma redução global de 18 mil efetivos.
Quando adquiriu o fabricante finlandês no ano passado, a multinacional norte-americana comprometeu-se a manter os postos de trabalho e o essencial das atividades dentro do país.
Vários membros do governo finlandês mostraram-se surpreendidos com a decisão de encerrar o centro de engenharia de Oulu, que em 2011 empregava duas mil pessoas e onde ainda restam perto de 500 engenheiros especializados em comunicações móveis.

O declínio da electrónica contribuiu para a crise económica no país, que teve dois anos de recessão em 2012 (-1%) e 2013 (-1,4%). Enquanto que no Basil, de acordo com dados divulgados pelo IBGE em 27 de fevereiro de 2014, o PIB do Brasil apresentou crescimento de 2,3% em 2013.
Postar um comentário