USA NÃO PERMITIU AERONAVE PRESIDENCIAL VENEZUELANA SOBREVOAR ESPAÇO AÉREO AMERICANO

Ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Elias Jaua, informou que o governo dos EUA negou permissão da aeronave presidencial venezuelana sobrevoar o espaço aéreo de Porto Rico.
A decisão foi tomada quando o presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, estava embarcando para a China, onde vai realizar uma visita de trabalho, cujo principal objetivo é fortalecer a relação estratégica entre os dois países e monitorar as várias áreas de cooperação bilateral, prevista para 21 e 22 de Setembro próximo.


A informação foi divulgada pelo ministro das Relações Exteriores venezuelano. "Recebemos informações de autoridades norte-americanas negando o vôo sobre espaço aéreo dos EUA", disse ele.


Nesse sentido, Jaua denunciou que o ato constitui uma "agressão imperialista dos EUA contra o Governo da República Bolivariana". Questionou que "ninguém pode negar o sobrevoo de um avião presidencial em uma viagem de Estado internacional" e que "não há argumentos para negar rotas aéreas".


O presidente venezuelano está analisando quais seriam as medidas cabíveis como resposta à essa agressão dos EUA. "Vamos aguardar o desenrolar dos acontecimentos. Esperamos que altas autoridades americanas respondam pelo erro cometido por seus subordinados", disse ele. 


Postar um comentário