Oficina de Mapeamento do Plano Municipal da Mata Atlântica

Segunda oficina de mapeamento do Plano Municipal da Mata Atlântica acontece no próximo sábado (28)

Atividade acontece no campus Vergueiro da Uninove, das 9h às 14h

No próximo sábado (28), das 9h às 14h, no campus  Vergueiro da Uninove acontece a segunda oficina de mapeamento do Plano Municipal de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica (PMMA).
Integrado ao novo Plano Diretor Estratégico (PDE) da cidade, sancionado em 2014, o PMMA está sendo desenvolvido pela Prefeitura de São Paulo por meio da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente (SVMA).
Para participar da oficina basta fazer sua pré-inscrição clicando aqui, a pauta do encontro será a identificação de áreas prioritárias para conservação e recuperação de remanescentes de mata atlântica no município, dessa forma, a participação de moradores e entidades que atuam nas regiões analisadas é fundamental.
Além do mapeamento de áreas verdes, o encontro tem o intuito de estimular os participantes a identificarem nascentes, fauna e outras características das áreas que se encontram perto da região onde moram ou trabalham, destacando a importância do local para o clima e outros benefícios ambientais.
O levantamento será focado nas regiões que se encontram na área de abrangência das subprefeiturasMooca, Vila Maria/Vila Guilherme, Ipiranga, Jabaquara, Vila Mariana, Sé, Santana/Tucuruvi e Jaçanã/Tremembé.
As oficinas contam com apoio técnico das secretarias municipais de Desenvolvimento Urbano e deCoordenação das Subprefeituras, além de Organizações Não Governamentais (ONGs), como a Fundação SOS Mata Atlântica, e de empresas.
Objetivos do PMMA
O PMMA deve apontar ações prioritárias e áreas para a conservação, manejo, fiscalização e recuperação da vegetação nativa e da biodiversidade da Mata Atlântica, baseando-se no mapeamento dos remanescentes existentes no município.

O Plano também será capaz de fornecer subsídios ambientais para outros programas da capital, como, por exemplo, as políticas públicas derivadas do Plano Municipal de Saneamento Básico, do Plano de Bacia Hidrográfica, do Plano Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário e do próprio PDE.
Qual a importância do PMMA?
No Brasil existem 3.410 cidades ocupando total ou parcialmente a área da Mata Atlântica, que depois da Floresta Amazônica é o bioma mais rico em biodiversidade do planeta. Devido a sua situação atual de fragmentação e degradação, decorrente da falta de planejamento, intensidade da ocupação e uso não sustentável dos recursos naturais, é impossível visualizar sua conservação e recuperação sem a contribuição efetiva dos municípios.

O município de São Paulo está totalmente inserido onde antigamente era domínio do bioma Mata Atlântica. Hoje a cidade possui 1.502 km² e cerca de 40% deste território possui cobertura vegetal que necessita de proteção e preservação por oferecer diversos serviços ambientais, como a manutenção do ciclo hidrológico, fertilidade do solo, proteção das áreas de risco, produção e limpeza da água, manutenção da qualidade do ar, sequestro de carbono, equilíbrio climático e proteção da diversidade biológica da fauna e da flora.
Serviço:
Oficina pública de mapeamento do Plano Municipal de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica (PMMA)
Local: Uninove: Campus Vergueiro
Endereço: Rua Vergueiro, 235/249 - Liberdade
Data e horário: 28 de março, das 9h às 14h
Postar um comentário