A TIME NÃO CANSA DE ELOGIAR DILMA E JUNTO DOS PROTESTADORES LISTA A PRESIDENTA COMO PERSONALIDADE DE IMPORTÂNCIA NESSE ANO

Dilma entra na lista das  Pessoas
de importância em de 2011
People Who Mattered por Tim Padgett (publicado em 14 de dezembro de  2011)
Esta lista procura registrar as pessoas que escreveram a historia do mundo nesse ano, para o bem ou para o mal. E nesse contexto estão listados pessoas como: Mahmoud Abbas e Khaled Meshal da Palestina, Al-Shabab - milicia de Mogadíscio, Anonymous - Grupo de hackers, Essam el-Arian e Rachid Ghannouchi - Tunisia e Egito, Bashar al-Assad - Presidente da Siria, Zine el-Abidine Ben Ali - Presiente da Tunisia, Silvio Berlusconi - Italia entre outros.

Poucos atos políticos seriam mais difíceis de seguir do que ser presidente depois de Luiz Inácio Lula da Silva. Ele foi sem dúvida o presidente mais popular da história do Brasil. Mas a sua sucessora, escolhida a dedo, ex-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, que tomou posse como presidente no primeiro dia de janeiro deste ano, acabou por ser mais do que uma simples substituta na estrita acepção do termo limitado ao chefe. Principalmente, considerando o fato, fora do previsto, de que o projeto econômico  híbrido capitalista-socialista   expandiu a classe média do Brasil sob o governo dele. 
Mas Rousseff, 64, uma ex-guerrilha urbana que lutou contra a ditadura militar do Brasil, 1964-1985, e foi torturada quando o regime a aprisionou na década de 1970, tem mostrado uma vontade de se aventurar em um terreno da política que Lula muitas vezes evitou, e que o gigante sul-americano tem de enfrentar se quiser alcançar o genuíno status de nação desenvolvida na cena externa, e ela sinalizou maior preocupação pelos direitos humanos, especialmente para as mulheres, em nações como o Irã.



Por outtro lado, um dos ponto mais importantes para seu governo é a reforma política e, particularmente para Roussef, a campanha anti-corrupção que anunciou no último verão. 
A Presidenta já demitiu cinco ministros supostamente envolvidos em escândalos de corrupção.
Agora os brasileiros estão contando com Dilma, como eles a chamam, para navegar no "Boom" econômico brasileiro desta década, enfrentando o tempestuoso mar de incertezas criado pela Crise européia.
Postar um comentário