ARCO DO FUTURO: ATENÇÃO URBANISTAS! PARA SAIR DO PAPEL DEVE ESTAR NO PAPEL. APRESENTE SUA IDÉIA!

Arco do Futuro começa às margens do Tietê

Os urbanistas já podem enviar projetos para o Arco, uma das principais propostas da gestão Fernando Haddad

A Prefeitura iniciou nesta quinta-feira (7) o processo de implementação do Arco do Futuro na cidade, com a convocação de arquitetos e urbanistas para elaborarem estudos de transformação urbana para a região do chamado Arco Tietê - que engloba a Marginal Tietê e suas margens, ao norte e ao sul, da região de Pirituba à região do Tatuapé (clique aqui para mais detalhes).

Um dos principais projetos da gestão do prefeito Fernando Haddad, o Arco do Futuro pretende criar um novo eixo de desenvolvimento urbano para São Paulo, diminuindo o número de deslocamentos em direção às regiões centrais e distribuindo empregos e equipamentos públicos para novos pólos nas periferias da cidade.

Os projetos para o Arco Tietê levarão em conta iniciativas já previstas para a região, como a implantação do Trem de Alta Velocidade (TAV) do Governo Federal e a expansão da rede metroviária do município, além do enterramento de linhas já existentes. O trecho ferroviário que liga a Lapa ao Brás, por exemplo, deve se transformar na Avenida Diagonal Sul, enquanto a Avenida Diagonal Norte será construída onde hoje existe um “linhão” da Eletropaulo na zona norte da cidade.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano, quatro diretrizes orientarão a transformação do perímetro: econômica, ambiental, de mobilidade e acessibilidade e habitacional. Os estudos enviados à Prefeitura também deverão demonstrar a viabilidade financeira do projeto.

Como participar
Os interessados em desenvolver estudos de viabilidade para a transformação urbana do Arco do Tietê já podem apresentar suas propostas à Prefeitura. Podem participar do processo pessoas físicas e jurídicas. Para isso, os interessados devem se qualificar até o dia 28 de fevereiro seguindo as especificações previstas aqui.

No dia 7 de março, será divulgada a relação de habilitados, que deverão se reunir com uma comissão da Secretaria de Desenvolvimento Urbano para detalhar e aprofundar as diretrizes do projeto.

Postar um comentário