O IMPERIALISTA AINDA CONTINUA A IGNORAR A HISTORIA

A Primeira Guerra Mundial
começou há 100 anos
Imperialismo matou 20 milhões para reforçar domínio mundial

Carnificina global e catalizadora de grandes lutas populares e revoluções; demolidora de impérios e semente de nacionalismos; disputa de mercados e colónias e expressão do capitalismo na sua fase imperialista – a Primeira Guerra Mundial teve início há precisamente um século, entre o final de Julho e o início de Agosto de 1914. Mais do que uma evocação, estas páginas pretendem ser um alerta, pois a História pode não se repetir, mas o sistema que engendrou este e outros conflitos aí está, agressivo e predador. Como há cem anos. 


Postar um comentário