ESPIÃO FILHO DA P#@$#@!!!!

Michel Temer: Agente da CIA

Brazil's acting president used to be US intel informant

Agora é oficial. O impeachment da presidente brasileira, de tendência esquerdista, Dilma Rousseff pelo Congresso do Brasil muito provavelmente transformou o país de uma parte vital no grupo das nações que buscam um mundo economicamente multi-polar ("BRICS") para apenas outro estado pau-mandado dos EUA na América Latina. 
Cabos, publicados pela Wikileaks em maio de 2016, revelam que o presidente em exercício, Michel Temer é um informante para a inteligência dos EUA. Temer forneceu inteligência sobre a situação política no Brasil na embaixada dos EUA em 2006, de acordo com um cabo twittado pelo Wikileaks.


Durante a visita, Temer disse aos americanos que o seu partido político, o Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) não têm uma verdadeira visão nacional, mas era apenas um "guarda-chuva" para chefes políticos locais.  Temer observou que o PMDB "não é o único partido dividido, por que o PMDB não tem identidade nacional unificadora real, mas sim uma organização guarda-chuva para caciques regionais ou "coronéis" (patrões)."

Temer também informou ao seu chefe de que ele deu completo apoio  a Zona de Comércio Livre nas Américas, promovido pelos EUA.

Quando foi questionado sobre o programa do partido, Temer indicou que o PMDB favorece aas políticas de apoio ao crescimento económico. Ele não tem qualquer objeção à Área de Livre Comércio das Américas (ALCA).

Com Temer, o homem de Washington infiltrado em Brasília, a cooperação do Brasil com a Rússia, China, e o "Cone-Sul" pode em breve ficar totalmente paralisada. 
Postar um comentário