Não há negociação possível com esse governo golpista!


Cientista da Academia Brasileira de Ciências se nega a fazer reunião com Kassab 
“Eu acho que não há negociação possível com esse governo provisório que tenta impor à sociedade brasileira um retrocesso social, econômico e político”, disse o cientista Antonio Galves em carta endereçada à Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), depois do convite para participar de uma reunião com Gilberto Kassab, ministro interino da pasta de Ciência e Tecnologia que se fundiu à de Comunicações.



Prezados colegas

A luta pela volta do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) é da maior importância e deve ser levada com toda energia pela SBPC, ABC e demais entidades representativas da ciência brasileira.
Isso dito, a questão é saber se o sr. Kassab que aceitou ser ministro nessas condições, é um interlocutor aceitável. Temo que essas reuniões só sirvam para produzir belas fotos, amplamente divulgadas pelos meios de comunicação, onde Kassab aparece ao lado de grandes nomes da ciência brasileira que dessa maneira, involuntariamente, o legitimam como interlocutor.
Eu acho que não há negociação possível com esse governo provisório que tenta impor à sociedade brasileira um retrocesso social, econômico e político. Acho que a única coisa que lhe podemos dizer é que respeite os 54 milhões de votos que elegeram Dilma Rousseff e que saia o quanto antes de cena.
Por isso eu não irei a essa reunião e faço um apelo à Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e demais colegas para que recusem o papel de figurantes nesse falso diálogo com quem despreza a ciência brasileira.
Cordiais saudações acadêmicas,
Antonio Galves
Membro da Academia Brasileira de Ciências


*Antonio Galves é probabilista, coordenador do Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão em Neuromatemática (NeuroMat), professor titular do Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo e membro da Academia Brasileira de Ciências

Por Antonio Galves
Postar um comentário