O METODO CAPITALISTA APLICADO PERFEITAMENTE

Lucros da máfia desafiam as multinacionais


A ‘Ndrangheta, organização mafiosa, centrada na região italiana da Calábria, movimentou 53 mil milhões de euros em 2013,
ou seja, cerca de 3,5 por cento do Produto Interno Bruto do país e o mesmo que o volume de negócios da McDonald's e do Deutsche Bank juntos.
Segundo um relatório do instituto Demoskopika, apresentado dia 26 em Roma, entre as atividades mais rentáveis estão o tráfico de narcótico, com 24,2 bilhões, e a reciclagem de resíduos, com 19,6 milhões de euros.
A extorsão e a usura representam 2,9 bilhões de euros, o desvio de fundos públicos 2,4 bilhões e os jogos ilegais cerca de 1,3 mil milhões de euros.
Para os ganhos da organização, que emprega cerca de 60 mil pessoas em todo o mundo, contribuem ainda a venda de armas, o negócio do lixo, a prostituição, a contrafacção e a imigração clandestina.
O estudo, realizado na base de documentos do Ministério do Interior, das forças policiais, da comissão parlamentar antimáfia e de outros organismos públicos, calcula que as receitas globais de todas as organizações criminosas italianas ascendam anualmente a 200 mil milhões de euros, um valor que supera o orçamento da União Europeia.

Postar um comentário